Carta da Saúde

Notícias do SUS Campinas

Distrito de Saúde Norte na Construção de Redes Solidárias

Redes: “É necessário superar o foco (…)  na regionalização e constituição de Redes como mero aparato técnico, apartado do recorte político”

Desde o II Fórum de Humanização do SUS Campinas, quando ocorreu um debate sobre “Relatos de Experiências na Construção de Redes” – Grupos de Discussão por Distrito: “Ressonâncias e Perspectivas”,  a Carta vem entrevistando as coordenações distritais sobre as ações que estão sendo realizadas para o fortalecimento do Cuidado em Rede nos seus respectivos Distritos de Saúde.

Nesta edição temos o coordenador do Distrito Norte, Fábio Alves, o “Fábio BH”, que gentilmente nos respondeu às perguntas enviadas por e-mail. Confira as respostas:

Que ações estão sendo desenvolvidas para fortalecer o cuidado em rede no Distrito Norte?

Pensamos que a compreensão de Rede seja a capacidade da articulação dos múltiplos recursos tecnológicos e organizacionais dos serviços num espaço regional, onde acontece a produção de vidas das pessoas. Espaço possível de propiciar padrões de qualidade e resolutividade aos usuários, reposicionando a política como um conjunto de ações, normas e institucionalidades que garantam a noção de proteção social no setor da saúde. Estamos considerando então que há formas de produzir a noção da Integralidade nesta articulação, produzindo novas formas de compreender os papeis de cada serviço que compõe os sistema locais regionais. Nós também ficamos imaginando que esta forma “técnica” de compreender o “novo sistema organizacional” deve passar pelas lógicas desta produção da vida das pessoas submetendo o Estado a agir além do marco liberal hegemônico de bem estar social e garantir a cidadania como eixo de desenvolver as práticas da gestão e dos trabalhadores. Estamos falando também da necessidade da politização do debate do papel do Estado, superando o foco que fica na regionalização e constituição de Redes como mero aparato técnico, apartado do recorte político ideológico em disputa no SUS. Aqui há a primeira ação que é a definição de princípios e a força do pensamento para o desenvolvimento das estratégias.

Não temos dúvidas de que o espaço coletivo e produtivo do colegiado de coordenadores-gerentes de serviços do nosso Distrito Norte seja um arranjo político que busca assumir compromissos de e em cada serviço, ou pelos menos, assumir três lugares de organização que é a Atenção Básica, Atenção em Saúde Mental, Atenção em Urgência e Emergência e Vigilância em Saúde. Estamos priorizando essas Redes e as suas especificidades para certa composição na nossa região Norte. Temos identificado a complexidade de reconhecer, por exemplo, que debater a articulação das Redes inclui considerar a relação com os municípios vizinhos como Sumaré e Hortolândia, inclui reconhecer que há equipamentos das Redes vinculados ao Governo de Estado, por exemplo UNICAMP. Estamos identificando também que há uma necessária articulação do Distrito Norte com o Distrito Leste na Atenção da Urgência e Emergência e na Atenção e Internação Domiciliar (SAID).

Que ações estão sendo desenvolvidas para fortalecer o Cuidado em Rede nesse Distrito?

Podemos apontar o desenvolvimento do Apoio Matricial como projeto estratégico do Distrito Norte que vem buscando articular o trabalho e as ações em saúde do Projeto da Clínica no Território, do Apoio Matricial da Saúde Mental do CAPS Estação e a constituição do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Estamos apostando que o arranjo Apoio Matricial nestas diferentes tessituras promove o diálogo entre estes serviços e os respectivos trabalhadores, construindo ações co-responsabilizadas em co-gestão, fazendo junto a construção. Iniciaremos uma integração destes grupos na organização das nossas Oficinas Pedagógicas para ampliar o método e a forma de produzir o Apoio Matricial, construir e inventar novas formas técnico-pedagógicas para o trabalho em saúde e para o desenvolvimento das práticas deste Apoio Matricial, deste grupo que se coloca em essência como Apoio Matricial, além da organização da atenção como novos fluxos e contratos entre os serviços. Estas oficinas estão construídas e organizadas com o próprio Apoio Institucional do Distrito Norte e a nossa referência descentralizada do CETS.

Estamos num belo trabalho para organizar a Atenção da Urgência e Emergência que envolve o PS do HC-UNICAMP, nosso PA Anchieta, o PA Centro do Distrito Leste e alguns serviços da Atenção Primária dos Distritos Norte e Leste. Este debate inclui encontros de profissionais destes serviços, incluindo a UNICAMP recompondo o próprio papel do PS  e HC nos sistema local-regional-macrorregional, na lógica de serviço referenciado. Estes encontros têm sido intermediado pela coordenação municipal da Urgência. Estes encontros tem revelado e incentivado que os serviços envolvidos repensem o trabalho do PA Anchieta na articulação regional do Distrito Norte, buscando assumir formas de pensar o trabalho em saúde com mais relação com a Atenção Primária.

Outra ação importantíssima tem sido os encontros do SAID Norte/Leste com os gerentes e coordenadores no Distrito Norte, criando as referências entre as equipes da Atenção Primária da Norte e os trabalhadores do próprio SAID em torno dos cuidados domiciliares, paliativos e a interface dos serviços a partir do projeto terapêutico, incluindo a Atenção Hospitalar, Atenção Domiciliar e Atenção Primária com a inclusão dos cuidadores familiares.

Estamos desenvolvendo um outro processo digno de nota que é a organização da Saúde Mental. Criamos o que chamamos de Espaço Coletivo da Saúde Mental, um espaço que tem possibilitado formular a organização, as tecnologias da Saúde Mental e a forma de se articular em rede no Distrito Norte. Temos percebido e estamos surpreendidos positivamente com a resposta deste Espaço Coletivo porque tem permito um diálogo entre coordenadores e trabalhadores em torno da organização da Saúde Mental.

Estamos apostando muito que a Vigilância também possa ser articular em rede e na Rede. Definimos que um projeto estratégico no Distrito Norte será a organização do Núcleo de Saúde Coletiva nos Serviços da Atenção Primária, recompondo a relação da VISA Norte com os serviços. Este projeto da constituição e/ou fortalecimento dos Núcleos de Saúde Coletiva tem sido objeto de intervenção do NASF que vem realizando o Apoio para os serviços, junto com técnicos da VISA Norte. Os resultados são muito promissores, pois conseguimos realizar uma bela mobilização na região de Barão Geraldo com a participação do Núcleo de Saúde Coletiva (recém criado) e o todo o Centro de Saúde, do Conselho Local, de lideranças comunitárias e vários equipamentos sociais do território de cobertura do Centro de Saúde.

Por último, e não menos importante, estamos aprimorando o nosso processo de comunicação institucional com os serviços, com os trabalhadores, com os usuários e com a sociedade em geral na nossa região. A nossa ideia é aprimorar o contato ágil e democrático para os serviços da rede do Distrito Norte, utilizando os saberes com novos profissionais introduzidos na equipe, superando a lógica de agentes administrativos e aprimorando a comunicação no sentido de mobilizar a participação e a publicização das ações em operação. A Comunicação do Distrito Norte produziu outra vitória com o trabalho da nossa Pré Conferência. Obtivemos qualidade e quantidade de participação que nos surpreendeu, surpreendeu a todos com a participação de mais de 120 pessoas. Esta perspectiva (a participação e a democracia como conquista social fortalece a rede, o compromisso da construção e a luta) é a nossa Vitória.

 

Dê sua opinião: comunica.smscampinas@gmail.com

 

Single Post Navigation

One thought on “Distrito de Saúde Norte na Construção de Redes Solidárias

  1. Fábio BH on said:

    Olá Pessoal … gostei do post nosso, da Norte aí no debate.
    Saudações de Fábio BH e até a VITÓRIA.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: