Carta da Saúde

Notícias do SUS Campinas

Visa Norte investe em comunicação e cria boletim, instrumento de gestão e qualificação da atenção.

Ovando e Celi da Visa Norte

Com 16 páginas o boletim “Interação Norte”, produzido pela Vigilância em Saúde (Visa) Norte, em parceria com os serviços do Distrito de Saúde Norte, já circula entre as equipes da Rede SUS Campinas. Em seu editorial, a equipe explica a que veio esta iniciativa de comunicação: “Este primeiro boletim produzido pela ViSA Norte não tem como finalidade apenas a apresentação de dados e indicadores epidemiológicos de agravos de notificação compulsória”.

“A começar pelo nome, Interação, pretende-se que este boletim seja utilizado nas unidades básicas de saúde do Distrito Norte como material de apoio para a análise do processo saúde-doença em seus territórios. Essa análise será feita no nível local com a participação da ViSA Norte e apoiadores, possibilitando que os diferentes “olhares” sejam integrados e resultem numa maior qualificação da atenção à saúde. Além de mais um instrumento a ser utilizado na construção da integralidade, pretende-se que este boletim também contribua para uma maior apropriação e valorização, por parte das equipes de saúde e da comunidade, do trabalho produzido pelos diferentes núcleos da vigilância: epidemiológica, ambiental, em alimentos, em saúde ocupacional, em farmácia”, argumenta a equipe no editorial.

A reportagem da “Carta da Saúde” foi à Visa Norte, onde sua coordenadora, Celi, concedeu entrevista em que explica melhor este projeto. Confira:

Carta da Saúde – Celi, nos conte sobre esta iniciativa de produção do boletim “Interação Norte”?

Celi Vendramini Regatieri Munhoz: Diante da necessidade de divulgação de dados epidemiológicos de diagnóstico de situação territorial, nós pensamos que poderia ser criado um instrumento de gestão que fosse amplamente divulgado dentro de cada território, com uma visão, um olhar sobre o Distrito, e sobre o território específico de cada Unidade Básica de Saúde.  Além disso, este trabalho poderia servir para um instrumento de divulgação, para a população usuária das unidades públicas e do Conselho Local de Saúde como mais um mecanismo facilitador de entendimento de dados, das informações daquele território.

Carta da Saúde – Como foi realizada a produção deste boletim?

Celi: A produção foi, a princípio, bastante custosa porque era uma experiência que a gente não tinha. Produzir comunicação é muito complexo. Esta primeira edição envolveu muito intensamente o Ovando, que é um técnico bastante dedicado nesta área. Mas ele também contou com a colaboração de vários outros técnicos da Visa, do Distrito e das unidades.

Você espera que essa produção possa melhorar a relação e aproximar a Vigilância das unidades?

Celi: Com certeza. Porque além de provocar esse entendimento de como que é a situação naquele território, provoca também uma necessidade de melhorar aqueles dados, entender melhor aquelas informações, e a gente espera que cada equipe se aproprie melhor, compare os dados a cada trimestre, que é a nossa proposta de divulgação deste boletim, e com isso a gente tenha uma melhora tanto dos dados como da situação daquela população.

Carta – Você considera que hoje seja possível fazer Saúde Pública sem comunicação?

Celi: Impossível. É fundamental que tanto os trabalhadores que estão lá, no dia a dia atendendo, acolhendo, resolvendo, encaminhando e tratando, eles precisam saber e ter dados sobre o que eles estão produzindo e isso acaba sendo motivação para o trabalho e quando a população sabe do que ela adoece e morre, ela se cuida e muda seu comportamento, para reduzir sua vulnerabilidade às doenças. E isso para a saúde e especialmente para quem promove e estimula a prevenção, é fundamental.

Dê a sua opinião: comunica.smscampinas@gmail.com

 

Single Post Navigation

9 thoughts on “Visa Norte investe em comunicação e cria boletim, instrumento de gestão e qualificação da atenção.

  1. Maria Filomena de Gouveia Vilela on said:

    Novamente, parabéns a Celi e toda equipe da VISA Norte! Em tempos de muitas situções adversas para desenvolver o nosso trabalho em saúde, notícias como esta são um grande alento para seguirmos em frente!
    Grande beijo
    Mena

  2. Janete Navarro on said:

    Ovando e Celi, maravilha! é isso mesmo!
    Creio que essa iniciativa, além de melhorar o olhar
    sobre as ações de saúde realizadas pelas Unidades de
    Saúde no seu território, servem de “feedback” para os
    técnicos da Visa dando sentido e incentivo ao árduo
    trabalho da Vigilância em Saúde do nosso município.
    Beij@o
    Janete

  3. Christian Eduardo on said:

    Parabéns pelo lançamento do boletim…é muito bom saber que ainda conseguimos cantar em épocas de mau tempo!
    Abraços,
    Christian – Visa NORTE

  4. Fátima Seixas on said:

    Parabéns, Ovando pelo seu trabalho árduo, criativo e competente, assim como a equipe da visa norte que contribui para que esse trabalho acontecesse, e a Celi pelo incentivo e apoio.
    É muito bom que não perdemos apesar de tudo a capacidade de criar, de produzir coisas belas, e utéis para todos.
    Um grande bjs para vcs.
    Fátima Seixas – Centro de Referência em reabilitação.

  5. Alexandra Barbosa on said:

    Parabens!

    E isto ai Ovando!
    Muito legal a iniciativa de vcs.
    Estabelecer redes de ajuda passa por termos instrumentos
    acessiveis e de qualidade que ajudem a comunicacao.

    Abracos.

    Alexandra- Depto de Saude

  6. Parabéns a Celi, técnicos da Vigilância, gerentes dos serviços e trabalhadores do Distrito Norte.
    A produção no espaço da política pública e as invenções da peleja do nosso cotidiano me parecem ser um belo caminho.
    Saudações e até a nossas Vitórias.
    Saudações de Fábio BH
    Direção do Distrito Norte

  7. Turma da Norte!!

    parabéns a todos os envolvidos que estão contribuindo para a divulgação das ações e indicadores,

    sucesso, Vall

  8. Wellington Zoonoses on said:

    Parabéns, assim todos podem trocar ideias e ter uma noção do que está sendo feito por toda rede de saúde. um forte abraço e sucesso..

  9. Luiz Henrique Ramos on said:

    Parabéns Ovando e Celi pela excelente iniciativa e trabalho. Acredito ser este o caminho. Fazer vigilancia é isto, trabalhar através de análise de indicadores, sobre riscos a saúde da pessoa ou coletividade, saber o que e onde estão ocorrendo os agravaos no território.
    Abraços

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: